PECTINA: FIBRA COM AÇÃO PREBIÓTICA

Os alimentos são fontes nutricionais de diversos minerais, carboidratos e vitaminas, como por exemplo, a pectina (polissacarídeo) fibra solúvel e viscosa facilmente fermentável no cólon.

Por ser considerada uma fibra solúvel, a pectina não é digerida por enzimas humanas, mas tem ação benéfica para a microbiota intestinal e acaba formando uma espécie de gel no intestino, o que melhora o trânsito intestinal e a absorção de água. Apesar de promover pouco efeito laxativo, a pectina tem ação prebiótica, pois estimula o desenvolvimento da microbiota intestinal sadia.

Veja um artigo sobre como melhorar sua microbiota intestinal em 7 passos

As pectinas são polissacarídeos muito utilizados industrialmente. Principalmente em produtos alimentícios, aos quais são adicionados em pequenas quantidades (BRANDÃO E ANDRADE,1999).

Estrutura química da pectina

estrutura da fibra solúvel: pectiva
estrutura da pectina

No setor industrial, os polissacarídeos pécticos promovem aumento da viscosidade e funcionam como colóide estabilizante e protetor em alimentos e bebidas (Revista-fi, 2016).

EM QUAIS ALIMENTOS POSSO ENCONTRAR PECTINA?

As principais fontes para a extração comercial de pectina constituem-se na polpa. Dentre elas, estão a polpa de maçã e cascas de frutas cítricas, as quais são descritas na Tabela 1 (Revista-fi,2014).

 

Tabela 1 – Teor de pectina em algumas frutas

Fruta Substâncias pécticas % Base úmida
Maçã 0,5 – 1,6
Bagaço da maçã 1,5 – 2,5
Polpa de beterraba 1,0
Polpa de cítricos 2,5 – 4,0
Cascas de laranja 3,5 – 5,5
Tamarindo 1,71
Cenouras 0,2 – 0,5
Mamão papaia 0,66 – 1,0

A diferença nas características físico-químicas dos produtos estão apresentadas na Tabela 2 (Revista-fi, 2016).

 

PECTINA PRODUZIDA A PARTIR DA CASCA DO LIMÃO E DA LARANJA PECTINA PRODUZIDA A PARTIR DO BAGAÇO DA MAÇÃ
Coloração Branca Amarela
Sabor Levemente amargo Frutal
Gel Elástico viscoso Suave viscoso
Gelificação Tendência a ser em blocos Tendência a ser regular
Reatividade Mais reativo ao cálcio Mais reativo ao cálcio, parcialmente espumante

As pectinas são amplamente utilizadas na indústria de bebidas. Como carboidratos pobres em calorias e devido a sua propriedade de estabilizar a polpa (ou turbidez) e a viscosidade. As pectinas são particularmente indicadas no preparo de bebidas refrescantes (Revista-fi, 2014).

FICA A DICA:

A ingestão de alimentos que contenham pectina, apresenta bastante relevância para o nosso organismo. Por ser um tipo de fibra alimentar, é um composto muito importante para digestão, pois estimula o crescimento da microbiota intestinal sadia do indivíduo proporcionando o equilíbrio e impedindo a absorção de substâncias tóxicas pelo organismo, como metais pesados e microrganismos tóxicos, diminuindo o risco do desenvolvimento de câncer, entre outras doenças.

Referência: Pectina

 

Deixe um comentário